quinta-feira, 2 de julho de 2015

Agatha Christie (Nova Fronteira)

Design por Maquinária Studio






(clique nas imagens para ampliar)

Autora: Agatha Christie
Designer: Maquinária Studio
Editora: Nova Fronteira
Ano: 2014-2015

Desde o ano passado, após uma reformulação recente no espólio da autora, os direitos para os livros de Agatha Christie em português foram reordenados, o que motivou uma nova (e empolgante) abordagem gráfica para os livros da dita "rainha do crime". Em fevereiro publiquei um post sobre a reformulação do projeto gráfico dos livros de Agatha Christie pela Globo Livros. Agora dou seguimento com o projeto gráfico e as capas dos livros editados pela Nova Fronteira, e criados pela Maquinária Studio. Com a palavra, a editora responsável, Renata Sturm, da Ediouro (do qual a Nova Fronteira faz parte).

"Nosso primeiro objetivo com o novo projeto gráfico para Agatha Christie era de reapresentá-la com um um jeito mais pop. A autora é um clássico do policial e suspense, mas existe uma nova geração que nunca leu a Rainha do Crime ou está descobrindo essa incrível autora só agora porque autores atuais citam Agatha como sua principal referência. A Nova Fronteira tem mais de 70 obras da autora no catálogo, nos sentimos na obrigação de trazê-la à tona novamente da maneira que ela merece. E o projeto gráfico teve papel essencial nesse processo."

Arte aberta de Os Elefantes não Esquecem
Sobre o processo criativo, Renata explica que todos os livros da editora são pautados com o designer por meio de um formulário, com informações sobre o livro, a autora, objetivos, público, referências etc. "Mas no caso desse projeto, nos reunimos e trocamos ideias com os designers durante todo o processo que levou meses. No caso da Maquinaria, por ser um estúdio com vários profissionais com diferentes perfis, é o próprio estúdio que determina qual é o designer responsável por cada projeto, baseado no perfil do briefing".

Frente e verso de Um Corpo na Biblioteca
Sobre o público alvo, Renata aponta o foco em dois públicos específicos: o dos jovens entre 25 e 35 anos, considerados os novos leitores da autora (no facebook, os seguidores da autora são cerca de 1,4 milhões no mundo, boa parte deles brasileiros nessa faixa etária).

Frente e verso de Assassinato no Expresso do Oriente
O segundo grupo é o dos fãs antigos de Agatha Christie, com idades entre 50 e 60 anos, sem restrição de gênero, e que gostariam de ter uma versão especial da autora, colecionável, na sua biblioteca. "Afinal, por muitos anos, Agatha Christie foi publicada como uma versão de banca, mais acessível e brochura", lembra Renata, "e nem todo fã guardou essas edições na sua biblioteca".

Arte do primeiro box da série
"O acabamento luxuoso, capa dura, tem um apelo direto com quem já é fã da autora", explica. "Neste momento, os boxes (veja imagem abaixo) se tornam objeto de desejo e ganham espaço especial na biblioteca do leitor.

"Já para o público mais jovem, o uso das cores, ilustração exclusiva (cada capa possui um mistério relacionado ao conteúdo do livro), além do preço matador, fazem com que os livros e boxes causem um impacto no ponto de venda. Eu mesma vivenciei jovens interagindo com os livros, descobrindo seus mistérios, no ponto de venda (livrarias) e também na Bienal do Livro, onde vendemos muitos boxes para jovens entre 15 e 18 anos."

5 comentários:

Iriane Kelly disse...

Essas capas que a editora Nova Fronteira fez são incríveis. Adorei também o fato de os livros serem capa dura - acho que as editoras brasileiras deveriam publicar mais livros em capa dura. As 'caixas' que acompanham essas edições são maravilhosas também. Espero que a Nova Fronteira publiquem todos os livros da Agatha nessa edição belissíma.

Camila Villalba disse...

Estou apaixonada por esses boxes! Sou fã da Agatha Christie desde pequena, mas minha mãe teve que se desfazer dos livros que tínhamos por questão de espaço há alguns anos. Quando botei os olhos nos dois primeiros boxes, tive que comprar; e agora estou esperando uma nova promoção pra comprar os outros dois! As capas estão lindas mesmo!

Fabiana Almeida disse...

Essas capas estão lindas demais! ótima oportunidade para eu voltar a ler Agatha Christie...

Anônimo disse...

Muito legais, eu gostaria de um formato colecionavel, a editora deveria seguir publicando os demais títulos para que possamos ter uma coleção padronizada de edições e capas.

Clara Giulia disse...

Os livros são otimos e os Boxes maravilhosos, comprei os 04 da nova fronteira, mas os Boxes 5 e 6 publicados no mesmo formato, mas pela editora HarperCollins. Espero que ambas continuem a publicar o restante das obras da autora, estou louca para aumentar minha coleção.

AddThis